Pois é, caros. Já estamos no meio do ano e parece que o São Paulo não foi feliz no que se refere a contratações de jogadores (pelo menos uma parte delas).

Em meio a tantas promessas, brilharam apenas dois nomes, um dos destaques é Lucas Pratto, o argentino é o jogador que mais demonstrou atitude dentro de campo, além de ser decisivo várias vezes, e o outro destaque é Jucilei, que apresentou bom futebol em vários jogos que atuou.

Mas vamos parar pra analisar: o que aconteceu com o restante dos nomes que foram anunciados no começo do ano? Citamos alguns exemplos: Wellington Nem (de quem particularmente apostei todas as fichas), não mostrou para o que veio; Neilton, artilheiro do Botafogo na temporada anterior, mal chegou e já foi para o Vitória, justamente por não ter se adaptado no Tricolor; Sidão, goleiro que foi espetacular em suas defesas nas primeiras partidas, se lesionou e não joga mais, vaga agora ocupada por Renan Ribeiro. Fora isso, sofremos com a venda de alguns jogadores importantíssimos, como Luiz Araújo, Lyanco, David Neres e recentemente o Maicon, que voltou para a Europa.

Quarta-feira (21), o São Paulo acertou com o meia argentino Jonatan Gómez, ex Santa Fe (COL) e o volante Petros (aquele mesmo, que jogava no Corinthians).  O time ainda está em negociação com mais 2 nomes durante esses dias: o zagueiro Aderlan Santos – que atualmente joga no Valencia (ESP) – e o zagueiro Arboleda, do Universidad Católica. Arboleda, inclusive, se apresentou hoje no CT da Barra Funda para realizar exames técnicos.

Segundo o diretor de futebol Vinicius Pinotti, esses reforços dariam uma “chacoalhada” no São Paulo, já que o time foi eliminado sequencialmente em 3 campeonatos importantes, que são eles Paulistão, Copa do Brasil e Sul Americana. Tal fato se ocorreu por dois motivos: pela falta de planejamento da diretoria, que deveria ter se planejado o quanto antes, a fim de evitar as desclassificações destes torneios, e pelo fato de alguns jogadores não terem se adaptado no clube paulista. Agora o que nos resta é aguardar, tendo a esperança de que o São Paulo brilhe novamente.

Por: Larissa Deruiche

Foto: Saopaulofc.net