Salve, Nação Tricolor!

cenifloridacupHoje tem brasileiro na Florida Cup, todavia todas as expectativas estão para o primeiro jogo comandado por Rogério Ceni. Para nós, nação do maior do Brasil, a avidez é mais intensa, porquanto queremos saber o verdadeiro resultado de todos esses diferentes e intensos treinos, ademais desejamos vivenciar um ano M1tológico. Além disso, estamos em campanha pela volta do Calleri, o qual se apresenta também bastante interessado em regressar, inclusive preferindo o nosso tricolor ao Boca Júniors.  O atacante seria uma excelente composição de uma das peças de que temos desfalque, seria o verdadeiro camisa 9  que não temos. Assim, o jogo de amanhã, grande estreia, nos mostrará também como o nosso 01 organizará o time, será um 3-4-3 ? 4-3-3-? 3-5-2? Ou  como o Barça, com um falso camisa 9?  #voltacalleri

Espera-se ainda que a Base preencha as posições deixadas por aqueles que faziam parte do elenco em 2016. Faz-se fulcral um maior aproveitamento dos meninos de Cotia, pois buscamos não só uma austeridade financeira, mas também retorno de quase R$25 milhões investidos por ano. E é claro que para nós São Paulinos esse trabalho continuado sempre é razão de orgulho.

Quanto aos goleiros, Ceni contará com Sidão, bom de grupo, chegou entusiasmado, teve um antecedente mais constante, porém fez menos milagres que Dênis, nosso 1 que desempenhou várias defesas heroicas, mas não foi tão constante, deixou-nos por vezes em apuros. Outro aspecto relevante é que o goleiro novato é habilidoso e tem ótima transição com os pés. Quem será o escolhido para ser o nosso arqueiro em 2017?

Ainda é grande a ansiedade para vermos os rápidos e habilidosos Welington Nem e David Neres invertendo posições, para vermos a meiúca com Cícero, Thiago Mendes e Cueva, aquele chegando como homem surpresa, com faro de gol e um perfeito posicionamento aéreo, esse com muita velocidade e ótimo arremate de longa distância, e este com a magia nas pernas, driblando, fazendo gols e dando assistências para os companheiros. Não podemos esquecer da volta do Monstro, tenho enorme esperança que este seja o ano do Breno, desarmando com força e saindo para jogar, como ele sempre fez. Conto também com a raça uruguaia (Dios da raça) e argentina ( Buffarini), além do clássico Rodrigo Caio e do God OF Zaga.  A saber, embora o São Paulo Futebol Clube tenha reduzido sua folha salarial em R$ 6 milhões, temos um time muito competitivo, com uma defesa alta e sólida, um meio campo sem badalação, no entanto muito eficiente, com gana de vitória À La Rogério Ceni.  

A possibilidade de enfrentarmos nosso maior rival na final dessa competição torna o campeonato mais emocionante e confesso que já queria começar o ano campeão em cima deles.

Enfim, que chegue logo a quinta-feira para M1tarmos. Muito sucesso para você, Rogério, que possivelmente mudará a forma de comandar o futebol brasileiro, trazendo auxiliares, Beale e Chambert, com perspectivas mais modernas, treinos mais curtos e intensos, metodologia europeia. Espero que esse trio nos devolva aquele sentimento gostoso de sermos campeões. Por fim, que amanhã seja como em 93, M1to ganhando do River!