“Uma mudança neste momento não serviria para nada.”

Marco Aurélio Cunha sobre permanência do técnico Ricardo Gomes no comando do time.

Começamos o dia, pós mais um derrota e com uma enfase a  por ser mais um clássico, com essa frase que nos da a clareza, no momento de alerta vermelho, que os dirigentes não estão visualizando a necessidade de mudanças.

Resultado de imagem para fantas zona de rebaixamento

Foto retirada do porrifólio de imagens do google (google.com)

Da parte dos torcedores já sabemos que “enquanto tiver 1% de chance teremos 99% de fé” e que “Time grande não cai”, mas e nossos queridos dirigentes e jogadores, que vivem para exercer apenas uma função tendo esse poder nas palmas da mão, não vão começar de imediando um GERENCIAMENTO CORRETO? Não querido leitor, não vou entrar em méritos de criticas ao que deve ou não ser feito, mas sabemos que deve ser feito pra ontem.

Após a perca dos 3 pontos do clássico o fantasma do Rebaixamento está a nos visitar, isso é mais que preocupante, é um vulcão em erupção a ponto de cobrir a nação São-Paulinda com as suas lavas. O São Paulo só precisa fazer apenas uma coisa, VENCER, VENCER E VENCER… O que é isso mesmo? É a saudade junto com os gols, de um time que não consegue finalizar, que não vemos a um tempo.

Não podemos passar a mesma situação que de 2013 (que se for comparar hoje ainda é pior) e muito menos ficar dependendo, que é o que estamos fazendo, da derrota dos outros times que também estão na mesma luta.

Vivemos de “se” o campeonato inteiro, temos que aproveitar que depende só de nós, por enquanto, para nos reergues e terminar esse campeonato em um lugar confortável. Não devemos pensar em G6 muito mesmo em goleadas, devemos ter os pés no chão, nossa situação é totalmente delicada onde só temos que conquistar 3 pontos a cada jogo. Difícil? Para alguns talvez, mas engloba na obrigação. Mudanças já! rs