Belo Horizonte, 18 de maio de 2016, 21:45hrs, estádio Independência… É hoje, mais uma página a ser virada de uma historia que começou com turbulência, emoção, polêmicas e partiu para  o equilíbrio, união e vontade. É assim que defino nossa história tricolor nessa Libertadores da América. O que esperar para o jogo de hoje? O que esperar desse time que tanto desacreditávamos? algumas peças foram tiradas para que outras pudessem ser encaixadas e foi bom, surtiu efeito e “olha onde estamos”.

Jogo difícil, adversário de qualidade, mas nosso São Paulo está motivado, o elenco está entrosado, jogadores em excelente momento como Ganso, Maicon, Michel e Wesley. Cada um com seu potencial exercendo sua função dentro de campo da melhor forma possível, dando graças à torcida tricolor a cada lance, a cada partida.

Fotos ( Mauricio Rummens)

Nossa provável escalação para o confronto de hoje é: Denis (Goleiro), Bruno e Mena (laterais), Maicon e Rodrigo Caio (zagueiros), Hudson e Thiago Mendes (volantes), Ganso e Michel Bastos (meias), Kelvin e Calleri (atacantes). Este deve ser o time, esses são os caras a quem devemos confiar e acreditar ate o final.

Foi muito válido, mesmo que magro, o placar do primeiro confronto dentro de casa. Calaram-se muitos que há vários jogos vem desejando um são Paulo fracassado, à todos aqueles que me falaram “vão perder de goleada”. Fica aqui o meu recado, eu compreendo vocês, só se inveja e se atira pedra em árvore que dá frutos, o choro é livre, mas o momento é nosso!

Preparados tricolores, coração a mil, ansiedade nem se fale. Olho no relógio, vistam seus mantos e vamos em frente, vamos unir forças e mandar nossa energia positiva, nossa torcida para esse time. Este São Paulo sem dúvidas merece passar para a semifinal. Buscou (aonde a maioria não acreditava), ganhou e chegou até aqui.

 Orgulho de ser tricolor. Boa sorte São Paulo!

Por: Débora Souza