Qual o sabor da vitória? Divino, sensacional… É assim que nós, torcedores São Paulinos, consideramos a vitória do tricolor no jogo de ontem (05/04) pela taça Libertadores no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o GLORIOSO Morumbi,  contra o Trujillanos. Com uma partida perfeita, a melhor do ano até o momento, o São Paulo não se entregou pela pressão do mal início na competição pelo Grupo 1 e aproveitou todas as chances.

A partida foi resultado de bons passes, entrosamento entre os jogadores, uma atuação que nós torcedores esperávamos impacientes e fomos presenteados. Os torcedores que compareceram no Morumbi puderam se esbaldar, os corneteiros irão esbravejar dizendo que “batemos em bêbado, coisa e tal”, mas sejamos realistas: Realmente o time venezuelano do Trujillanos não é dos melhores isso a gente já sabe, mas foi com esse “bêbado” que também empatamos fora de casa. O importante ontem, foi vencer e com grande categoria, exemplo do que deveríamos fazer em todas as partidas.

Imagem: futebolinterior

Logo aos 12 minutos Calleri se apresentou e com uma cabeçada certeira abriu o placar. Na sequência, com um bom toque de bola, Kelvin e João Schmidt também balançaram a rede ainda no primeiro tempo.  Assim, no famoso “3 vira, 6 acaba” o São Paulo terminou a partida goleado o adversário por 6 x 0 com mais três gols de Calleri, a estrela da noite.

E foi assim, o time comandado por Edgardo Bauza tinha a missão de vencer e  venceu! O que foi surpreendente foi como “massacrou” o Trujillanos, onde, desde o inicio da partida foi mostrando que o Soberano continua vivo e pode mostrar um bom futebol.

Agora é hora de manter o padrão de jogo e mostrar que podemos chegar longe, a próxima partida do são Paulo pela Libertadores será no dia 13/04 contra o forte River Plate no Morumbi. É hora também de aproveitar essa vitória e dar uma levantada de moral, mostrar que estamos vivos. Com certeza toda a nação São Paulina está muito feliz pela doce vitória de ontem.

Por: Débora Souza