Inaugurado em 2 de outubro de 1960, o estádio do Morumbi é palco de grandes clássicos, competições e decisões importantes do futebol, além de receber shows nacionais e internacionais que levam o nome do estádio para o mundo. 
De fato, você torcedor (a) já teve o privilégio de assistir uma partida de futebol no monumento são-paulino e, se deslumbrar com a grande estrutura que o estádio tem, seja na arquibancada ou na cativa.
Estrutura que deslumbra não só a torcida por si só, mas também jogadores e dirigentes de outros clubes, que elegeram o Morumbi como um dos melhores estádios para se jogar do país, em uma pesquisa realizada no ano passado. ( leia mais clicando aqui!).
Quando falamos em jogos e competições importantes, eis que a primeira coisa que vem na cabeça da grande maioria dos torcedor, é a Libertadores da América. Campeonato que já faz parte do nosso currículo há muitos anos e que somos pós-graduados no assunto, afinal, são três conquistas que carregamos no peito.

Por conta disso, o site Pasión Libertadores abriu uma enquete para os torcedores elegerem os estádios mais temidos da Libertadores. E, é claro que o Cícero Pompeu de Toledo não poderia ficar de fora dessa. Garantimos a 2º posição do ranking com mais de 15 mil votos, ficando atrás apenas do La Bombonera do time argentino Boca Jrs.
Veja o ranking dos estádios mais temidos da Libertadores:
1. La Bombonera (Boca Juniors-Argentina): 22,20% (19.530 votos)
2. Morumbi (São Paulo): 17,52% (15.419 votos)
3. Alejandro Villanueva (Alianza Lima-Peru): 10,17% (8.951 votos)
4. Monumental de Nuñez (River Plate-Argentina): 7,61% (6.697 votos)
5. Arena Corinthians (Corinthians): 7,36% (6.473 votos)
6. Independência (Atlético-MG): 4,72% (4154 votos)
7. Monumental (Colo-Colo-Chile): 3,13% (2.755 votos)
8. Atanásio Girardot (Atlético Nacional-Colômbia): 2,79% (2.452 votos)
9. Universitário (Tigres-México): 1,92% (1.688 votos)
10. El Campín (Independiente Santa Fé-Colômbia): 1,90% (1.675 votos)

Por: Mariana Telhada
Twitter: @telhadinha  Instagram: @maritelhadinha