Pra você, a classificação para a Libertadores salva o ano?

Como boa torcedora, com todas as cotas de passionalidade que me é permitida, foi sim!
Ainda está na memória tricolor a catástrofe de 2013, que só não foi um desastre maior porque Muricy nos salvou do rebaixamento. 
O time era mediano, uma sobra de “2012”, que com muito custo conquistou a Copa Sul Americana daquele ano. Quase nada foi mudado para o ano seguinte. 
E o resultado? 
Fomos eliminados nas semifinais do Paulistão pelo Corinthians, um tour pela Europa cheio de derrotas, uma sequência dolorida de partidas sem vencer e a eliminação, em pleno Morumbi para a Ponte Preta em outra semifinal, agora na Copa Sul Americana. 
Terminamos o Brasileirão 2013 em 9° e muita coisa para arrumar para o ano seguinte.
E começou 2014…
Com ele, a eliminação do Paulistão contra a Penapolense e outra eliminação diante do Bragantino na Copa do Brasil. Mas vieram também Pato, Kaká e um espírito guerreiro para terminar a temporada!
Foi uma evolução expressiva dentro do campeonato brasileiro e do elenco. Chegamos a sonhar com o heptacampeonato até a 36° rodada do Brasileirão, voltamos a Libertadores com o vice do Brasileirão e perdemos a semifinal da Sul Americana jogando com garra, saindo aplaudidos do campo.
Longe de serem os resultados que esperamos de um time multi campeão e de uma folha de pagamento recheada como temos. Porém, a evolução que cobrávamos do time nos últimos anos, finalmente começou. 
Contudo, podemos esperar mais do São Paulo para 2015. Precisamos de planejamento, reforços e o mesmo espírito lutador de 2014.
A torcida não irá se contentar com qualquer coisa que não seja títulos. E estamos no direito de exigir, depois de todo apoio vindo das arquibancadas.
Pode vir 2015, estaremos prontos esperando seus melhores dias preparados e de braços abertos.
Siga nos

@SPFC1935
@rob_santana