Nesta quarta-feira (02), o presidente do Tricolor Carlos Miguel Aidar se reuniu no Rio de Janeiro, com dirigentes de diversos clubes brasileiros para discutir a implantação de um novo campeonato.

Assim como o Bom Senso FC, que reuniu um grande número de jogadores, que buscam melhorias no  calendário do Campeonato Brasileiro e melhores condições no futebol, a ideia é que essa nova competição seja totalmente desvinculada da CBF, como na “Liga dos 13”. Para isso, o presidente do São Paulo pede a união dos clubes da série A.


“Queremos pensar nos interesses conjuntos de todos os clubes. Vamos deixar a rivalidade para dentro de campo”, disse Carlos Aidar.

Além da união entre os clubes brasileiros, Aidar deve promover um encontro com a presidenta Dilma Rousseff, com o objetivo de que o governo se interesse e invista mais no futebol nacional. 


Tudo isso por conta do grande endividamento dos clubes com o governo. Mesmo com a “Timemania”, implantada em 2007, que tinha como destinação de 22% da sua arrecadação ao pagamento das dívidas dos clubes que aderiram o projeto, o índice de inadimplência entre as equipes é de mais de R$2 bilhões de reais.

“Se os clubes saírem às ruas dizendo que o governo não ajuda o futebol, são milhões de votos jogados fora. Chegou a hora de os clubes falarem alto”, acrescentou Aidar.

De fato o nosso atual presidente chegou à todo vapor deste eleito no começo do ano. Já são inúmeras iniciativas para melhorias não só do São Paulo mas pelo futebol como um todo. O desejo é que passem a investir em melhorias no esporte e que haja interesse pelos atletas. Assim, clubes e torcedores ganharam no final das contas.

Por: Mariana Telhada
Twitter: @telhadinha  Instagram: @maritelhadinha