O São Paulo está com a faca e o queijo na mão para ter Lugano. Muricy, nosso manager, disse “por que não tentar?”.

Nosso Dios já disse que o Tricolor é a única equipe no Brasil em que ele atuaria e a outra possibilidade seria propostas da Europa. Porém nos últimos tempos ele vem amargando a reserva de times sem muita expressão – um ano no Málaga outro no West Bronwich, que rescindiu o contrato antes do término. 
Pode ser que ele esteja esperando a Copa do Mundo e atuações de gala na seleção de seu país para barganhar sua transferência.
Já do lado do São Paulo, o uruguaio cairá como uma luva e nossa zaga precisa de alguém de referência e fibra. Por que não Lugano? Afinal, ele tem essas características além de uma enorme identificação com a torcida e o clube.

Torcida que, no último sábado, no Morumbi, durante a vitória diante do Grêmio, levou faixas e cantou pedindo a volta do zagueiro que foi campeão paulista, da Libertadores e Mundial de 2005 e o Brasileiro de 2006 pelo São Paulo.

Domingo passado o presidente Aidar, voltou atrás e sinalizou a possibilidade de contratá-lo. “Gostaria muito de trazer o Lugano. Acho que tem chance. A partir da sinalização do Muricy, acho que tem sim. Claro que precisamos estudar um pouco o aspecto financeiro” – disse
Vamos São Paulo, trazer Dios Lugano! Do meio para frente já estamos encaminhados, está na hora de olharmos para a defesa com mais cuidado.

#VemLugano

Siga @SPFC1935
       @rob_santana