Todos sabem da história que o tricolor  tem com a raça uruguaia, tivemos jogadores que fizeram história no clube, sempre símbolos, de raça e vontade, esses jogadores viraram ídolos da torcida, que até hoje se lembra de cada um deles.
   Cada um na sua época, na sua geração, mas todos com grande valor, conquistando muitos títulos que fizeram o tricolor ser o soberano de hoje.
Conheça um pouco mais sobre os 4 maiores uruguaios que passaram pelo nosso tricolor.
  • Pedro Rocha
   O uruguaio meio campista,  veio do Peñarol para o São Paulo acumulando títulos da Copa Libertadores e do Mundial Interclubes, tinha o apelido de Verdugo, por causa de sua categoria, sua visão de jogo, seus chutes fortíssimos e as cabeçadas arrasadoras. Em 71 chegou ao tricolor com 28 anos e brilhou tanto que até Pelé não escondia sua admiração por ele.
   Rocha ficou no São Paulo até seus 34 anos, atuando em 393 jogos e sendo artilheiro do Campeonato Brasileiro de 1972.
   Infelizmente Pedro Rocha faleceu nesta segunda-feira (03) aos 70 anos, mas irá ficar sempre no coração e na memória de todos os amantes do futebol.
Jogos disputados pelo SPFC: 393
Estreia: 27/09/1970
Último jogo: 02/10/1977
Gols Marcados no SPFC: 119
Nascimento: 03/12/1942. Salto (Uruguai).
Títulos conquistados no SPFC: Campeão Paulista de 1971 e 1975. Campeão Brasileiro de 1977 (sem atuar).
  • Pablo Forlan
   Forlan era lateral direito, veio para o São Paulo do Penãrol em 1970 e ficou até 1975 acabando com um jejum de títulos que durava 13 anos, o uruguaio se destacava pela sua garra e raça.
    Jogou 243 jogos pelo tricolor, e foi campeão do Campeonato Paulista em 1970, 1971 e 1975, é considerado um grande ídolo da torcida são paulina.
Jogos disputados pelo SPFC: 243
Estreia: 01/05/1970
Último jogo: 14/09/1975
Gols Marcados no SPFC: 9
Nascimento: 14/07/1945. Soriano (Uruguai).
Títulos conquistados no SPFC: Campeão Paulista de 1970, 1971 e 1975.
  • Dario Pereyra
   Como um bom jogador uruguaio, Dario era um zagueiro craque na bola e na raça, apesar de ter começado no tricolor como volante mas não deu muito certo, e se firmou na zaga. Se garantiu jogador no São Paulo em 1977, e foi recebido com muita festa pela torcida, na época foi considerada a contratação mais cara da história do futebol brasileiro.
   Além de defensor e armador, suas arrancadas ao ataque tiravam a respiração dos torcedores, fez também muitos gols pelo tricolor.
Jogos disputados pelo SPFC: 453
Estreia: 11/12/1977
Último jogo: 28/05/1988
Gols marcados no SPFC: 37
Nascimento: 19/10/1956. Montevidéu (Uruguai).
Títulos conquistados no SPFC: Campeão Paulista de 1980, 1981, 1985 e 1987 e Campeão Brasileiro de 1977 e 1986.
  • Diego Lugano
   O mais recente jogador uruguaio e idolatrado pela torcida é o zagueiro Lugano, chegou no São Paulo em 2003 considerado o “jogador do presidente”, com seu estilo de raça e vontade foi ganhando a titularidade, conquistando Campeonato Paulista, Copa Libertadores e Mundial de Interclubes em 2005 e Campeonato Brasileiro em 2006.
   O uruguaio é tão querido pela torcida tricolor, que clamamos a sua volta a cada ano que passa, estamos na espera Lugano.
Jogos disputados pelo SPFC: 176
Estreia: 11/05/2003
Último jogo: 16/08/2006
Gols marcados no SPFC: 11
Nascimento: 02/11/1980. Canelones (Uruguai).
Títulos conquistados no SPFC: Campeão paulista de 2005; Campeão da Taça Libertadores de 2005; Campeão Mundial de Clubes de 2005, Campeão Brasileiro de 2006.
Os uruguaios tem uma história gloriosa no São Paulo, tanto que é inadmissível não ter um jogador uruguaio neste time, estamos na espera de que venha algum para 2014.
Obrigada ídolos, por cada suor derramado honrando essa camisa linda, vocês serão eternamente lembrados por nós.
Saudações tricolores.
Por: Bianca Lamattina
@bialamattina @spfc1935