Ontem escapamos de um vexame histórico, que poderia marcar nossa história, assim como, guardadas as devidas proporções, o Tolima marcou a dos gambás.

Apesar do pênalti perdido, o Mito foi o maior responsável pela manutenção da nossa dignidade. Mesmo assim, grande parte da imprensa preferiu destacar o erro ao invés de dar o merecido destaque a todos os acertos.

Obra do acaso? Não. Obra de uma imprensa muito mais preocupada em fazer política do que atender a finalidade a que se destina, qual seja, transmitir ao fatos e as informações de forma clara, correta e precisa.
 


Pergunta-se: qual a razão disso? A supremacia de interesses de uma minoria (gambás), sobre o interesse coletivo (o futebol em geral). E isso é assim desde que o Corinthiano Lula assumiu a presidência, mas que coisa!

E pensar que tem quem acredite até hoje que a luta dele e dos demais companheiros era pela democracia. Mas não era não.

Era pra chegar ao poder mesmo! E surpresa maior foi perceber que lá estando, o usaria dessa forma, para quase tomar de assalto a Tv Bobo e outros meios de comunicação, fazendo com que trabalhassem da forma que melhor lhe conviesse, para presentear e homenagear de todas as formas seu clube de coração, seus entes e amigos queridos, como o Andrés, Rose Noronha, enfim. 

 
Obviamente que não escrevo esse texto pensando num modo anarquista de viver, escrever e torcer, mas pura e simplesmente, num regime que não nos deixe iludir nem manipular por opiniões genéricas e informações comprometidas muito mais com política do que com a verdade.

Fato é que precisamos libertar nossas mentes para seguirmos o caminho que julgamos correto, sem sermos desviados por um falso guia. Para que isso aconteça, necessário se faz democratizar o acesso a informação, reformando, principalmente o Governo. Afinal, a ineficácia dele é o maior empecilho para o desenvolvimento de um povo.

Vale relembrar aqui, que a Idade Média não fora chamada de Idade das Trevas ao acaso.  Quem se expressava devidamente, morria. E o mundo sofreu mais de 300 anos de atraso na Ciência e Tecnologia por não poder se expressar com total liberdade…

 
É, e assim caminha a mediocridade.
 
Vai Tricolor e Vamos São Paulindos!
 
Por: Carol Nader – @NaderCarol