“Traz fulano que comeu a bola e ganhou tudo em 2005!”
“Se ciclano que ganhou tal caneco em 2008 voltasse o time ficava redondinho”
“Foi com tal técnico que vencemos tal coisa, então voltaremos a vencer”.

Quantas vezes já ouvimos essas frases de algum amigo ou até mesmo chegamos a falar isso pra responder a pergunta do título como solução da fase ruim?

Ficamos na fissura procurando um jeito de criar esperanças, e caímos na mesma cilada de achar que se pelo menos um fulano que já ganhou campeonatos aqui voltar, tudo vai se acertar e o time será o mesmo da glória do passado. Não é errado pensar assim. Aliás, não existe certo ou errado quando falamos e tratamos de torcer. Mas, é uma grande utopia.

Vejamos o time de 2005, um dos melhores recentes times do São Paulo por exemplo. Quem vingou depois daquele ano? Tirando o Tardelli (com ressalvas), Danilo, o Mito e o Josué.. onde estão os outros oito anos depois? Amoroso? Júnior? O herói Mineiro? Cicinho? Até o Lugano?
Ficaram no passado. A gente precisa exaltar esses caras sim, mas a história deles já foi escrita aqui. Não dá pra ficar alimentando isso. Precisamos formar um novo time campeão, sem estrelas, com achados que se encaixem, joias da base sem medo que deslanchem… Tudo isso com uma nova mentalidade de quem contrata (oh shit) e uma baita dose de sorte. Não se esquecendo que muita cabeça se bateu antes desse time redondinho da triplice coroa se formar. Mas honestamente..Estamos com enxaqueca, já, diretoria. Passou a hora de apostas vãs e resgates do passado. O São Paulo precisa escrever novas histórias com novos personagens. Será que vamos esperar por 2014 pra isso acontecer?

Por Raiza Oliveira  (@ra_iza)