Por Raiza Oliveira (@ra_iza)

Saudações Tricolores!

Foto: Eduardo Viana / Lancenet
Bastou a notícia do desligamento do Muricy pelo Santos se espalhar que a nossa torcida em peso – na internet –  passou a pedir sua volta pelos lados do Morumbi. Nada surpreendente, já que o treinador foi super vencedor por aqui recentemente e merece todo o respeito do mundo. Mas sem desmerecê-lo, ao menos nesta coluna, defendo que Ney Franco deve continuar seu trabalho.
Nossas temporadas recentes não foram bem sucedidas, concordo. Tudo isso depois da saída do próprio Muricy, que foi substituído por ex técnicos em atividade e apostas que estavam na cara que dariam errado, como Adilson Batista e Baresi – que até hoje não entendo como chegou a ser cogitado como técnico, imagina como efetivo. Mas credito isso tudo à falta de planejamento da diretoria, que se perdeu há um bom tempo pelo continuísmo do ponto de vista do mandatário-mor. Juvenal teve uma overdose de poder e nada o fez compreender que o futebol era o mais importante nesse clube tão gigante. 
Mas dessa vez, quando contratou Ney Franco depois de Leões e Carpeggianis da vida, pude ver um resquício de lucidez nesse investimento. Vejo Ney como um bom plano, e quando contratado ainda falei que só veríamos resultados depois de um tempo. Foi assim que Muricy se consolidou. Não estou dizendo que Ney Franco é melhor que Muricy! NÃO DISSE ISSO! Os currículos e tempo de carreira falam por si só. Mas acho que Ney merece a chance de ter mais tempo de trabalho aqui. Não acho que as eliminações neste ano foram culpa dele – apesar da misteriosa insistência no Douglas –  e acredito que ele deva prosseguir fazendo seu trabalho.
Já vimos que a troca constante de técnicos em nada resultou. Tive a mesma opinião quando  Paulo Autuori estava livre e muitos – ou todos – o estavam pedindo de volta.
Vamos dar tempo ao tempo. Pra mim, que continue Ney Franco até que seu ciclo chegue ao fim, como assim aconteceu com Muricy.
#VAILÁDECORAÇÃO