Por Raiza Oliveira – @ra_iza

Não sei se algum de vocês lerá este texto. Tampouco que seguirá o meu pedido a ser registrado aqui. Mas talvez de forma repetitiva, vou lhes informar algo que nós torcedores tentamos, há uns 3 anos, expor de diversas formas à vocês, seja enchendo estádio, seja ATÉ não comparecendo ao mesmo. Com um amor em comum, aos trancos e barrancos teremos mais uma oportunidade para pedir: joguem por quem amamos.
Foto: Dorival Rosa/ VIPCOMM
Pode parecer um pedido tolo, mas vocês parecem não entender. Todas as nossas manifestações, sejam elas positivas e também negativas não se tratam da pessoa de cada um de vocês, ou de seus nomes no futebol. Não se trata do time anterior que jogaram, e o que já ganharam lá. Depois de seguidas renovações, quedas,  cirurgias, gafes e cartões infantis, agora é hora de deixar tudo pra trás e honrar mais do que um salário ou uma obrigação, mas três cores que vocês terão estampadas no peito. Mais que um time. Uma história impressionante, que tem como destaques vitórias impensadas, até desacreditadas, uma moeda que caiu em pé! Um time que a torcida seja o 12º jogador. 
Foto: Rubens Chiri/ Site Oficial
A ansiedade já não me cabe. Neste momento me vejo contando as horas pra esta semifinal. É hora de colocar o coração na ponta da chuteira, esquecer os problemas com técnico, com a ditadura de um presidente ou de desfalque na zaga. Chega de desculpas. Creio que muitos já até ensaiam o discurso a ser dado no pós jogo caso sejamos derrotados. Não foi isso que Telê ensinou, quando disse certa vez que “no futebol não há lugar para piedade”, muito menos como o mito vivo Rogério Ceni age! Representamos o maior time do mundo, entendem? 
Por isso, time, lembrem-se que estaremos no nosso lar. Não sejam apenas um time de futebol. SEJAM SÃO PAULO. A peleja será duríssima, mas somos GIGANTES: comportem-se como tal. Nos 90 minutos, suem sangue. À torcida, apenas APOIE. Compareça! Esta é a hora. É amanhã. Jogai por nós.
#VAILÁDECORAÇÃO!