Saudações tricolores!
Hoje o SPFC enfrenta o Bahia válido pela segunda rodada do Brasileirão. O time tem os desfalques de Lucas, Casemiro e Bruno Uvini, que estão na seleção. Paulo Miranda e Denílson voltam a estar a disposição do técnico Leão. 
O jogo de hoje, embora seja relativamente importante para o Brasileirão, pois cada jogo são 3 pontos na disputa, tem menos importância do que parece. Digo porque o foco do SPFC (não há como negar) é a Copa do Brasil. Assim, acho até um pouco arriscado colocar o time totalmente titular pra disputar esta partida. 
Será que não seria um bom momento de dar oportunidades pra quem não vem jogando de titular? O garoto Rafinha, atacante, poderia ser um bom nome. É garoto, ainda não teve muitas oportunidades e vem cheio de vontade de mostrar o seu valor.
Eu, se fosse o técnico, não colocaria, por ex. Luís Fabiano pra jogar. E se o atacante machucar? Vamos ficar sem ele  para o jogo decisivo contra o Coritiba? É nesta hora que a estratrégia tem que entrar em campo. 
Temos alguns atacantes à disposição, alguns garotos, outros mais experientes. Não vejo porque botar o time titular hoje pra jogar, arriscando algum jogador importante machucar. Temos que saber qual é a nossa prioridade agora, que tem que ser a Copa do Brasil.
Vamos ver como o time é escalado.
Mas que todos saibam, se o SPFC for eliminado na próxima rodada da Copa do Brasil, o técnico Leão dança. Então, é hora de montar uma boa estratégia. 



Thaís Cachuté Paradella.