Saudações tricolores!

O SPFC enfrenta hoje a Portuguesa em rodada válida pelo Paulista. O time tem o desfalque de Paulo Miranda, na zaga, que deve ser substituído por Edson Silva. Se vencer, o time pode até assumir a vice-liderança do Campeonato, caso o Palmeiras não vença.

Quem é leitor assíduo das minhas colunas sabe que estou pouco animada com o time este ano. O desempenho do time contra o Independente-PA durante a semana foi pífio. 1×0. Time pouco interessado em eliminar a partida de volta. Pra mim, nestes primeiros jogos da Copa do Brasil, é mais do que obrigação ganhar por 2 gols de diferença.

Em relação ao Campeonato Paulista (e isto também tem relação com a Copa do Brasil), não chegaremos a lugar nenhum se não vencermos clássicos. Isso é fato. E no outro final de semana, temos o jogo contra o Santos.

Esta semana observei uma pequena polêmica no Twitter quando o jogador Lucas resolveu ‘desabafar’, já que o técnico Leão não está nem um pouco feliz com o desempenho do atleta em campo. E pra ser sincera, nem eu. Que Lucas é um jogador diferenciado, isto ninguém duvida. Agora, o drible tem que ser algo objetivo em campo. Não se pode simplesmente abaixar a cabeça e tentar sair driblando porque uma ou duas vezes, isto pode até funcionar. A maioria das vezes, ele vai bater de frente com a zaga.

Acho que o SPFC encontra-se em um momento agitado. Uma vitória hoje pode acalmar um pouco as coisas, mas tranquilidade absoluta só irá vir quando o time mostrar seu total potencial em campo e quando o time vencer um clássico. Aguardemos cenas do próximo capítulo pra vermos quando isto irá ocorrer.


Thaís Cachuté Paradella.