Por Raiza Oliveira

Saudações tricolores!


Foto: Rubens Chiri/Site Oficial
 Hoje, às 22h, o tricolor estreia na Copa do Brasil contra o Independente de Belém do Pará, fora de casa. Iniciamos nessa quarta-feira a busca desse título inédito para nossa vasta e recheada estante de trofeus. Enfrentaremos um time assumidamente modesto, de folha de pagamento de apenas R$ 120 mil mensais, que nem jogará em sua cidade natal, Tucuruí, pelo fato do estádio não ter a estrutura requerida pela CBF.
Mas sabemos que no campo, tudo isso é deixado de lado, e hoje esses caras se sentirão como em uma final de Copa do Mundo!
O presidente do clube Paraense, Deley Silva, declarou que dará um “bicho” de R$ 50 mil para o time (R$2.500 para cada jogador) caso conseguissem adiar a decisão para o Morumbi. Vejam o objetivo deles e pensem em como enfrentarão o Soberano hoje… Entrarão em campo para não levar gols, totalmente fechados e motivados não só pela “graninha extra” prometida, mas por ser o jogo da vida de cada atleta para possívelmente alavancarem a carreira. Isso de certa forma pode dificultar a vida do Tricolor, mas acredito que não  passaremos sufoco para marcar gols suficientes para eliminar a partida de volta.
Foto: Tarso Sarraf/Agência Estado

Teremos o temido (por eles!) Luís Fabiano de volta ao nosso time, o que nos dá ainda mais esperança de vários gols na partida, ainda que ele esteja voltando de contusão. Só a presença do cara já impõe muito respeito! Além da volta de Denilson e Casemiro para o meio de campo e a saída de Jadson, que ficou em São Paulo aprimorando sua forma física, temos a entrada do Fernandinho, em relação à escalação do último jogo pelo Paulista. É o tipo de jogo que devemos respeitar o adversário (vide Avaí 2011) mas partir pra cima e estragar a festa dos donos da casa, como o próprio Fabuloso disse.

Minha maior preocupação pessoal em relação às nossas deficiências é mesmo quanto à bola parada. Mesmo não tendo levado gols nos últimos dois jogos, confesso que ainda sinto um calafrio quando o SPFC é contra-atacado. Sei que o time que enfrentaremos hoje é, teoricamente, fraco em relação à isso, mas nunca se sabe! Os treinos que o Leão fez no Estádio Mangueirão focaram exatamente isso, o que me alivia bastante. Olho vivo no meia Gian, ex-Vasco. O veterano de 37 anos é a “estrela” do Independente e pode em uma jogada, tentar salvar sua equipe com chute de fora da área.
Sem dormir no ponto, Tricolor! Pra cima deles!
Meu palpite pra hoje é um 3×0 tranquilo.. e o seu, caro tricolor?
#VAILÁDECORAÇÃO!