Olá Tricolores
Mais um jogo do Tricolor e mais uma derrota, fora a vergonha que passamos ao ver nosso time assistir de camarote a virada do Bahia em um jogo que estava quase ganho e com um bom placar e um bom futebol.
Novamente o São Paulo tropeçou e decepcionou. A decepção só não foi maior pelo fato de ter visto o Lucas voltando a jogar aquele futebol que encantou o Brasil e que o levou a Seleção, e a boa atuação do Wellington que fez seu primeiro gol como profissional. Mas isso não é capaz de diminuir a vergonha e a tristeza do torcedor.
Com o jejum de 9 jogos sem vitória, onde fica a tão esperada vaga para a Libertadores? Hoje, o Tricolor ocupa a oitava posição da tabela. Cada jogo que passa, o torcedor vê a Libertadores se afastando e já se vê torcendo pelo São Paulo na Copa do Brasil em 2012, campeonato o qual não estamos acostumados a participar.
Se nem mesmo o conselheiro do clube e tão admirado pela torcida Marco Aurélio Cunha acredita na classificação, como é que nós, torcedores, que ficamos “de fora” vamos acreditar?
“Acho que não tem mais chances (de classificação à Libertadores 2012). O jogo contra o Bahia era extremamente importante e o São Paulo conseguiu jogar fora uma vitória” – Marco Aurélio Cunha; Conselheiro e ex-superintendente de futebol do São Paulo FC
O que temos que fazer é apoiar o time, independente de vaga ou não para a Libertadores. E nunca se esqueça Tricolor:
Serei São Paulo mesmo que a bola não entre, mesmo que o Morumbi se cale, mesmo que o manto sagrado desbote, mesmo que a vitória esteja longe.
Serei São Paulo, seja longa a jornada, seja dura a caminhada, SPFC no peito e na alma, no grito e nas palmas! 



(jovempan.uol.com.br/saopaulino)



Vamos à luta. Como diz o ditado: “A esperança é a última que morre” e, se há esperança e chances, não vamos desistir.