Saudações, nação tricolor!
Depois de tantas turbulências e uma vitória que não significou uma boa fase, o São Paulo resolve reforçar o time com os meninos de Cotia.
Bruno Uvini, Luiz Eduardo, Lucas, Henrique, Casemiro, Willian José e Wellington. Esses são os nossos garotos, que praticamente cresceram no São Paulo e hoje reforçam a equipe titular do São Paulo Futebol Clube.
Mas nessa terça feira, 24 de maio, chegou mais um fruto do futebol de Cotia. Leonardo Navacchio. Lembra dele? O goleiro do sub20 que fez uma ótima copa São Paulo de 2011. Com apenas 18 anos, de Piacatu – SP, Leonardo já treinou com o profissional e, felizmente, ficou no CT da Barra Funda.
Agora Carpegiani, além de Denis e Léo, pode contar com o nosso garoto, que tem ótimas chances de ser um ótimo goleiro integrando de vez no time principal.
Tenho contato com o Léo desde mais ou menos o começo do ano e ele topou responder algumas perguntas pra gente, confere ai.

Quando você descobriu que queria ser jogador? E como foi a reação da sua família quando disse que queria essa profissão?
Sempre gostava de ir ver meu pai jogar no gol, e sempre brinquei, mas comecei a levar a serio a partir dos 09 anos. Meus pais sempre me apoiaram e sempre me deram muita força pra ir em busca do meu sonho.

Vocês da base, já tinham feito os famosos “rachões” no treino contra o time principal. Mas como foi pra você treinar entre eles? Já é metade de um sonho realizado pra você?

A gente já veio aqui as vezes fazer coletivo contra o time principal. Mas a sensação de estar aqui é totalmente diferente, sempre foi meu grande sonho estar no profissional do São Paulo, agora estou treinando aqui mais e vou treinar muito para que eu possa ficar aqui.


Sabemos que os meninos de Cotia não podem ser muito expostos, mas com a sua participação na copa São Paulo, as fãs e admiradoras cresceram. Você já sentiu esse crescimento? Esse assédio por parte das meninas?
Sim sim, lá não tem muita exposição. Ah, tem algumas pessoas que gostam de mim como pessoa, mas fãs, acho que ainda não tenho, tenho que trabalhar muito para conquistar os meus objetivos e ai sim conquistar os meus fãs.
Muitos já falaram de você como o substituto de Rogério quando se aposentar. Já é uma responsabilidade grande pra você ser o substituto?
Pra mim, o Rogério Ceni é insubstituível, é um ídolo. Mas quando ele for parar, que ainda vai demorar muito, porque ele tem muito bola pra jogar, depois tem Denis e Léo que são dois excelentes goleiros e estou aprendendo muito com eles e estou trabalhando muito forte para quando surgir minha oportunidade eu esteja bem preparado pra entrar no gol do São Paulo.

E qual é a sua relação com o Rogério Ceni? Ele te apóia, incentiva?
Não tem o que falar do Rogério, gente boa demais, me deu muitos conselhos.
Quem foi a pessoa mais importante pra você, em toda a sua caminhada no futebol?
Meu pai e minha mãe.

Se você pudesse falar alguma coisa pra torcida do tricolor agora que estão começando a depositar uma certa confiança em você, o que falaria?
Primeiro, quero dizer que vou lutar muito pra continuar aqui no profissional do São Paulo e treinar muito, procurar me preparar para que se Deus quiser um dia eu tiver a oportunidade de entrar no gol do São Paulo, eu estar preparado e dar orgulho pra essa torcida maravilhosa. E fazer minha história com a camisa do São Paulo.
Mais uma vez eu agradeço ao Léo por aceitar fazer essa participação na matéria de hoje.
Ele ta com um twitter fresquinho, que acabou de fazer. Sigam: @leonavacchio.
Agora eu quero saber de vocês o que acham do nosso goleiro Léo, e o que esperam dele no time principal. Comentem e me falem pelo meu twitter, @LeticiaMatias_.
Espero que tenham gostado e até o proximo sábado :*