“Ontem eu fui ao Morumbi. Sempre tive o sonho de ver um jogo do São Paulo pela Libertadores, achava lindo pela tv o estádio lotado e a torcida cantando o jogo todo. Ironia do destino ou não, ontem a torcida ficou calada. Eram mais de 50 mil torcedores são-paulinos ouvindo a festa da torcida cruzeirense. Reflexo do futebol ridículo apresentado em campo, tipe apático, desconcertado. Vergonhoso.”

Esse é o trecho do post que escrevi em meu antigo blog no dia 16 de junho do ano passado (quem quiser ler na íntegra está aqui).

É sempre com muita tristeza que me lembro desse fatídico dia, em que fui com toda esperança assistir pela primeira vez a um jogo do São Paulo F.C. pela Libertadores no Morumbi. Eu ainda morava no Paraná e tive que pagar o ingresso e convencer uma amiga a ir comigo. Saí do estádio desolada.

Quase um ano depois temos o mesmo confronto, mas em situação totalmente diferente. Nosso querido tricolor tem uma ótima vantagem e conta com isso em casa. O elenco está com força renovada com a entrada de Fernandão, e apesar do triste fim de Washington (sim, fico muito triste com isso que está acontecendo com nosso artilheiro) temos tudo para garantir a vaga nas semifinais.

Estarei lá, novamente entre os mais de 50 mil torcedores, pronta para ver um desfecho totalmente diferente do que vi em 2009. Para esquecer de vez aquela cena que desde então não me sai da cabeça.

Hoje é o dia! Vamos São Paulo!!

Gisleine Bedendo, 30 anos, fisioterapeuta, são-paulina roxa totalmente apaixonada pelo tircolor mais querido