Nome: Alessandra Martins
Idade: 23 anos
Cidade: Diadema – São Paulo
Relacionamento: Solteira
Ídolo: Raí e Tele Santana
Jogador mais lindo: André Dias e Washington
Jogo mais emocionante: Final da taça Libertadores da América de 2005, Atlético Paranaense e São Paulo, uma goleada emocionante de quatro a zero, jamais vou me esquecer, assisti o jogo ao lado do meu avô que corintiano roxo estava torcendo contra, mais no final deu tudo certo e vencemos, foi uma grande festa.
Como virou são paulina: Nasci são paulina, não tenho outra explicação pra esse fato, pois numa família de corintianos e santistas ser uma são paulina por vontade própria só nascendo, meu avô como já disse corintiano roxo, acompanhado sempre pelo meu tio, ambos já falecidos, mais todos dois enterrados com a bandeira do Corinthians, junto com eles minha mãe, minha irmã e alguns primos herdaram esse mau gosto, meu pai por sua vez santista doente, junto com ele minha irmã caçula e boa parte da família, fora os dois ou três palmeirenses, mais são paulina mesmo só tem eu e mais um primo, mais dentro da minha casa só eu e ninguém mais, digamos que fui à única que teve personalidade pra escolher o melhor, rsrsrs e me tornei são paulina, sou são paulina desde que me entendo por gente, desde criança e assim sigo até fim, tendo ao lado quem goste e quem desgoste, mais é assim que eu vou, lado a lado com o tricolor porque juntos somos o que somos e ninguém vai nos mudar, juntos somos movidos por sentimentos de glorias e vitórias.
Coisas do SPFC que tenho: Adesivos, bandeira, camisa, caneta, chaveiros, copinho, corneta, fotos, pratinhos, enfim, algumas coisas, até meu ovo de páscoa este ano foi do São Paulo, rsrsrs…
Tipo de música: Curto um pouco de tudo, desde MPB, internacionais como Creed, Goo Goo Dolls, James Blunt, Pink Floyd, U2 e muitos outros, gosto também de um bom samba, não gosto de pagode, gosto de sambistas como Arlindo Cruz, Fundo de Quintal entre outros e alguns bons sertanejos, enfim, ouço um pouco de tudo, mais a musica mais bonita em minha opinião é aquela que canta um pouco de você, que faz você se identificar nela.
Frase: O caminho mais fácil nem sempre é melhor que o da dor e o das rosas sendo o mais bonito nem sempre é mais fácil de atravessar que o das pedras que não é tão belo assim, pois pra passar entre as rosas tem que suportar a dor dos espinhos.

Bem, a idéia de o blog ser totalmente feminino é muita criativa, diferente e nova, ou seja, uma ótima idéia, pois até então era muito difícil ver um espaço desse tipo, se é que tinha um espaço como esse na internet, um lugar onde somente mulheres falam o que acha, o que pensa, dá as suas opiniões, sugestões e se entendem somente com mulheres sobre o assunto futebol, lugar esse onde os homens só comentam o que eles acham em cima do que elas escrevem sem poder alterar ou mudar uma só palavra, mover uma só vírgula de lugar, fato esse que deve ser a morte para alguns, pois ainda tem muitos homens que se acham totalmente superiores a nós mulheres quando o assunto é futebol.
Resumindo a síntese a idéia, o espaço é fundamental para nós mulheres que assistimos aos jogos, gostamos de futebol e que torcem pelo seu time do coração se comuniquem, isso incluindo tanto as que escrevem na página como as que lêem os textos, pois isso nos dá a possibilidade de aprender umas com as outras de uma maneira totalmente diferente, não tão masculinizada, mais sabendo sempre o que diz com certeza e feminilidade, entendendo sempre do assunto futebol sem perder a graciosidade de ser mulher.
Já o futebol dentro do universo feminino cresceu bastante, evoluiu muito, pois hoje alem de termos espaços na internet como blogs femininos para darmos a nossas opiniões sobre o assunto muitas mulheres cresceu também dentro do esporte, hoje nós temos mulheres que são rainhas de embaixadinhas, times de futebol formados somente por mulheres, não tanto aqui no Brasil, o futebol feminino é mais valorizado no exterior infelizmente, embora o nosso país seja o país do futebol o espaço e reconhecimento do mesmo ainda é só para homens, mais estamos crescendo, aos pouquinhos estamos tomando o nosso espaço e chegando lá dentro do esporte, o maior exemplo disso é a nossa seleção que tem uma jogadora muito talentosa que deixa muito jogador por ai no chinelo, essa jogadora é a Marta, que levou a nossa seleção a final das olimpíadas de 2008 ganhando a medalha de prata, enquanto a seleção masculina não passou da semifinal levando somente a medalha de bronze, ou seja, exemplo maior do que esse nós não temos de que o Brasil é sim o país do futebol, mais não somente um país onde homens jogam futebol e sim um país onde homens e mulheres jogam futebol muito bem, ainda com alguma descriminação, mais um país onde homens e mulheres mandam muito bem com a bola no pé, afinal de contas mesmo sendo o mesmo esporte cada um tem a sua graça ao jogar e num país do tamanho do nosso a espaço para todos.
E pra finalizar vamos agora falar sobre mim. Sou uma pessoa amiga, bacana, brincalhona, carinhosa, dorminhoca (adoro dormir), extrovertida, leal e muitas coisas mais que não cabe em um simples texto, mais como ninguém é perfeito eu também não sou, sou uma pessoa geniosa, de humor instável, personalidade forte, meio ranzinza, às vezes muito calada, fechada, trancada num mundo a parte onde poucos conseguem entrar, como diria um grande amigo meu sou uma pessoa individual, mais não faço disso um empecilho para viver com as outras pessoas, só preservo aquilo que acho que não tem necessidade de todos ficarem sabendo, isso não é pecado. Trabalho há quase seis anos com técnica em TI e hoje faço faculdade de Tecnologia Em Sistemas Para Internet, como diria a minha mãe, nada de menina, estou solteira e por enquanto estou bem dessa maneira, às vezes precisamos de um tempo para nos entender com nós mesmos e é isso que eu estou buscando no momento. Sou uma pessoa caseira, não saio muito de balada, mais quando estou no pique vou pra qualquer, não tenho frescura, sou apaixonada por música, bem alta de preferência, em momentos assim fico numa sintonia perfeita comigo mesma, às vezes em constante alegria, outras nem tanto, mais a música alimenta a minha alma, gosto muito de ler também, ultimamente ando meio preguiçosa pra leitura, mais eu gosto muito e sou apaixonada pelo tricolor, fiel a ele em todos os momentos… Enfim, isso é um pouquinho do que eu sou afinal não da pra descrever uma pessoa que levou quase vinte e quatro anos para ser o que é hoje em um simples texto de cinqüenta minutos, mais faça assim, quando pensar em mim pense da seguinte maneira, pense que eu sou uma pessoa como você, que tem problemas como você, nem maiores nem menores, apenas diferentes dos seus, que eu choro como todo mundo e que é em cima das minhas lagrimas que eu procuro sorrir pra uma vida melhor, que eu tenho as minhas dificuldades e mesmo com elas procuro ser feliz, que sou apaixonada pela minha família, umas vezes se amando e outras brigando, mais que estamos sempre todos juntos e misturados, que já passou por poucas e também por boas, mais que procurou força em Deus pra superar tudo e que procura todos os dias ficar bem e paz consigo mesma, o que não é muito fácil, pois os piores conflitos que temos na vida são aqueles que criamos com nós mesmos, mais mesmo assim eu não desisto e vou tentando viver um dia de cada vez, o tão famoso somente por hoje e contando sempre com o nosso pai maior que é Deus acima de tudo e de todas as coisas e assim vou tocando em frente como diria a canção e dessa maneira a minha maneira vou tentando ser feliz.
Essa será a nova São Paulinda ! Seja bem Vinda Alê… Seus textos estarão na página todas segundas-feiras!